Confirmado! Vancouver será uma das sedes da Copa do Mundo FIFA de 2026


Crédito: Crailsheim Studio

A FIFA anunciou em coletiva de imprensa realizada em Nova York, que Vancouver será uma das sedes para a Copa do Mundo de 2026. O evento, que será o primeiro da história realizado em três países, com 48 equipes, será sediado nos Estados Unidos, México e no Canadá.

Toronto, em Ontario, será a outra sede no Canadá. A vizinha Edmonton ficou fora da lista. A boa notícia para os torcedores em British Columbia é que a cidade de Seattle, no Estado de Washington, logo ao sul da província, também receberá o evento, trazendo aos fãs mais uma possibilidade para acompanhar o evento in loco.

Além de Toronto e Vancouver, foram selecionadas 11 cidades nos EUA e três no México. 

As sedes americanas são Los Angeles, São Francisco, Kansas City, Dallas, Atlanta, Houston, Boston, Filadélfia, Miami, Nova York/Nova Jersey, além de Seattle.

No México, as cidades de Monterrey, Guadalajara e Cidade do México receberão jogos em 2026.

Montreal desistiu da candidatura ano passado, depois que o governo da província de Quebec retirou seu apoio, citando custos excessivos, que seriam “difíceis de justificar aos contribuintes”.

Novidades no Formato do Evento

Em um formato diferente do atual, a Copa do Mundo de 2026 será realizada com 16 grupos, onde os dois primeiros de cada se classificam para a fase seguinte, começando com a etapa de 16-avos-de-final, que antecederá as tradicionais fases de oitavas, quartas, semifinal e final. O número total de partidas aumentará de 60 para 80.

E apesar do número elevado de participantes, os finalistas do torneio vão realizar o mesmo número de jogos do formato atual com 32 participantes – sete.  

Vancouver já recebeu as Olimpíadas de Inverno e a Copa do Mundo FIFA Feminina

Futura sede da Copa do Mundo FIFA, a principal cidade do oeste do Canadá já recebeu diversos outros eventos esportivos, com destaque para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Inverno de 2010, a final da Copa do Mundo FIFA Feminina 2015, a CFL Grey Cup (“Super Bowl” da Liga Canadense de Futebol Americano), entre outros.

E a partir de 2023, a cidade será uma das sedes do mundial ABB FIA de Fórmula E, o primeiro grande evento de automobilismo na cidade desde 2004, quando a Fórmula Indy deixou de ser realizado na região.

Na Fórmula E, os veículos lembram carro de Fórmula 1 na aparência, porém são movidos por motores elétricos capazes de acelerar de 0 a 100 km/h em até 3 segundos, comparável à Fórmula 1, e atingir velocidades máximas de 280 km/h.

Três franquias esportivas profissionais operam permanentemente na cidade: Vancouver Canucks (NHL), BC Lions (CFL) e Vancouver Whitecaps (MLS), além do Vancouver Canadians (MiLB), equipe da liga de acesso de beisebol.  

Fique por dentro das notícias de Vancouver, do Canadá e da comunidade brasileira. Assine nossa newsletter:




 

*campo obrigatório

Prestigie os anunciantes do Jornal Brasil Vancouver